W
NW
N
N
NE
W
the Degree Confluence Project
E
SW
S
S
SE
E

Brazil : Ceará

1.9 km (1.2 miles) S of Cedro, Ceará, Brazil
Approx. altitude: 39 m (127 ft)
([?] maps: Google MapQuest Multimap world confnav)
Antipode: 3°N 140°E

Accuracy: 5 m (16 ft)
Click on any of the images for the full-sized picture.

#2: Visão oeste - west view #3: Visão norte - north view #4: Visão leste - east view #5: Visão sul - south view #6: GPS #7: Paramos o carro a 3300 metros da confluência - we stopped the car 3300 meters to the confluence #8: Caminhada parte 1: estrada de areia - walking part 1: sand road #9: Caminhada parte 2: área aberta - walking part 2: open area #10: Caminhada parte 3: trilha - walking part 3: track

  { Main | Search | Countries | Information | Member Page | Random }

  3°S 40°W (visit #2)  

#1: Visão geral - general view

(visited by José Eduardo Guimarães Medeiros)

English

08-jun-2014 -- No domingo, 8 de junho, fiz uma viagem com a família e, desta vez, também com um amigo do meu filho, para visitar a confluência 3S 40W, localizada a cerca de 230 quilômetros de casa. Trata-se da última confluência que é passível de ser visitada em uma viagem de um único dia, a partir de minha casa em Fortaleza.

Saímos de casa por volta das 9 horas da manhã e pegamos a rodovia CE-085, conhecida como Estruturante, que se inicia na capital e segue margeando o litoral na direção oeste. Seguimos por 210 quilômetros até pouco antes de chegar à cidade de Itarema, e iniciamos o trecho de 20 quilômetros em estrada de terra. Já era quase meio-dia.

A estrada de terra estava em condições muito boas, e chegamos rapidamente a 3.300 metros do ponto exato, quando, segundo as fotos de satélite analisadas previamente, iniciava-se um trecho de estrada de terra muito mais estreita, e que não era possível saber se poderia ser percorrida de carro.

Inicialmente, a estrada aparentava estar em boas condições. Mas, pouco depois, começou a ter muita areia, e tornava-se cada vez mais difícil trafegar. Vendo que não haveria condições de seguir adiante, resolvi retornar, parar o carro na estrada principal e percorrer o restante da distância a pé.

A caminhada foi bastante cansativa, em virtude do sol forte, do horário e da dificuldade de caminhar sobre a areia. Percorri o trecho inicial de 2.900 metros, cheguei em uma área aberta, em que havia uma construção abandonada, e iniciei o trecho final, de 400 metros, por uma trilha mais fechada. Com alguma dificuldade nos metros finais, consegui zerar o GPS.

Fiz todo o caminho de volta e paramos para almoçar na cidade de Itarema. Já passava das 2 horas da tarde.

Após o almoço, fizemos a viagem de volta e chegamos a Fortaleza já de noite, por volta das 18 horas.

Conforme citado, esta é a última confluência passível de ser visitada em um único dia, a partir de minha casa em Fortaleza. Em cada uma das três cidades onde eu morei, desde que eu comecei a visitar confluências, sempre eu considerei que há nove confluências acessíveis em viagens de apenas um dia: a confluência localizada mais próxima de casa e também as oito confluências localizadas em volta dela, em todas as direções.

Quando eu comecei a visitar confluências, em morava em Contagem, Minas Gerais, e a confluência mais próxima de casa era a 20S 44W, localizada dentro do município de Belo Horizonte. Esta confluência, minha confluência de estreia, foi visitada em dezembro de 2008. Ainda no mesmo mês de dezembro, eu já teria visitado 2 das 8 confluências ao redor da mais próxima. Ao longo do ano seguinte eu visitaria cada uma das demais e em junho de 2009 eu teria completado todas as nove confluências ao redor de casa.

Quando eu me mudei para Poços de Caldas, Minas Gerais, em novembro de 2010, a confluência mais próxima de casa tornou-se a 22S 47W. Esta confluência, no entanto, já tinha sido visitada há bastante tempo, bem como outras cinco ao redor dela. No momento da minha mudança, portanto, das nove confluências localizadas nas proximidades de minha nova casa, seis já estavam visitadas. Das três que faltavam, duas foram visitadas no mês seguinte à mudança, e a última, a confluência 23S 46W, uma confluência bastante difícil, não chegou a ser visitada, embora uma tentativa tenha sido feita.

Finalmente, quando eu me mudei para Fortaleza, em março de 2012, a confluência mais próxima tornou-se a 4S 39W, que foi visitada no mês seguinte à mudança. Ao redor dela, ao invés de 8 confluências para visitar, haviam apenas 5, uma vez que Fortaleza é uma cidade litorânea e 3 confluências próximas à cidade localizam-se em alto mar, muito distantes da costa. Ao longo do ano de 2012, eu visitei 4 das 5 confluências remanescentes e somente agora, em junho de 2014, eu visitei a última.

Obviamente, as confluências próximas de casa são apenas uma pequena parte de meu histórico de confluências. Mais de dois terços das confluências que já visitei localizam-se bem mais distantes de casa.

English

08-Jun-2014 -- Sunday, 8 June, I made a trip with my family and, by this time, also with a friend of my son, in order to visit 3S 40W confluence, located about 230 kilometers far from my home. That’s the last confluence that I can visit in a trip lasting only one day, from my home at Fortaleza city.

We left home about 9:00 and caught CE-085 highway, known as “Estruturante”, which starts at the capital of the state and heads by the coast line in west direction. We headed by 210 kilometers up to a bit before Itarema city and then we started the dirt road leg, 20 kilometers long. It was almost noon.

The dirt road was in very good conditions, and we arrived quickly at 3,300 meters to the exact point, when, according to satellite photos previously analyzed, starts a very narrow road, which I wasn’t sure if it would be passable by car.

Initially, the road looks in good conditions. But, a bit after, it starts to have a lot of sand, and the driving turns hard and hard. Realizing that it wouldn’t be possible to go ahead, I decided to turn back, stop the car at the main road and hike the remaining distance.

The hike was very tiring, due to hot sun, due to the period of day and due to hardness of walking on the sand. I hiked the first 2,900 meters, arrived at an open area, in that there was an abandoned construction, and started the final leg, 400 meters long, by a track. With some hardness in the final meters, I got all GPS zeroes.

I made all the back way and we stopped to have lunch at Itarema city. It was more than 14:00.

After the lunch, we came back home, arriving at Fortaleza at sunset, about 18:00.

As cited, this is the last confluence that I can visit in only one day, from my home at Fortaleza. In each one of three cities where I lived, since when I started to visit confluences, I always considered that there are nine confluences searchable in one day trips: the nearest confluence from home and also the eight confluences located around it, in all directions.

When I started to visit confluences, I was living at Contagem city, Minas Gerais state, and the nearest confluence from home was 20S 44W, located inside Belo Horizonte municipality. This confluence, my first one, was visited in December 2008. Yet in the same December month, I had visited 2 out of 8 confluences around the nearest. During the following year I had visited all the others, and in June 2009 I had completed all nine confluences around my home.

When I changed to Poços de Caldas city, Minas Gerais state, in November 2010, the nearest confluence from home turns to be the 22S 47W one. This confluence, however, was already visited since some time, and also other five around it. In the moment of my change, then, six out of nine confluences in the proximities of my new home were already visited. From the remaining three, two out of them was visited in the following month of my change, and the last one, the confluence 23S 46W, a very hard one, wasn’t visited, although an attempt was made.

Finally, when I changed to Fortaleza, in March 2012, the nearest confluence turns the 4S 39W one, which was visited in the following month of the change. Around it, instead of 8 confluences to visit, there were only 5, because Fortaleza is a coastal city and 3 confluences in the proximities locate in open sea, very distant from coast. During the year 2012, I visited 4 out of 5 remaining confluences and, only now, in June 2014, I visited the last one.

Obviously, the confluences in the proximities of home are only a small part of my confluence history. More than two thirds of my visited confluences locate much more distant from home.


 All pictures
#1: Visão geral - general view
#2: Visão oeste - west view
#3: Visão norte - north view
#4: Visão leste - east view
#5: Visão sul - south view
#6: GPS
#7: Paramos o carro a 3300 metros da confluência - we stopped the car 3300 meters to the confluence
#8: Caminhada parte 1: estrada de areia - walking part 1: sand road
#9: Caminhada parte 2: área aberta - walking part 2: open area
#10: Caminhada parte 3: trilha - walking part 3: track
ALL: All pictures on one page (broadband access recommended)